Não somos os únicos que estão sofrendo com o calor desse verão, não podemos esquecer que nossos animais também sentem, por isso temos que ter um cuidado redobrado com a saúde deles nessa época do ano.

As dicas abaixo parecem bem simples, mas muitos donos de animais não as realizam como deveriam ou esquecem que seus peludos também sofrem com o calor.

Atenção com as vasilhas de água. Se possível, troque pelo menos três vezes por dia a água da vasilha para que seu peludo sempre tenha água fresca. No calor e em tempos secos, a água tende a evaporar mais rapidamente. Nunca deixe seu peludo sem acesso a água. Coloque umas pedrinhas de gelo para ajudar a deixar a água numa temperatura agradável para seu peludo beber.

Se seu animal vive em um quintal, certifique-se que ele tenha acesso a locais frescos e que tenham sombra.

Não passeie com seu animal em horários de sol forte. Procure passear com ele logo pela manhã até as 9:30 horas ou no fim da tarde depois das 18 horas, quando o sol já está baixo e a temperatura é um pouco mais agradável.

Não deixe seu animal preso em lugares fechados, pequenos ou com pouca ventilação. Os cães e gatos não trocam calor pela pele, como os humanos, por conta disso, a respiração dos peludos é a forma principal para que eles controlem e mantenham sua refrigeração corporal. A temperatura normal de um cão ou gato é de 38º graus.

Cuidado com os coxins (almofadinhas das patas) deles, se você está usando sapato, eles não estão. É muito comum nessa época do ano os coxins dos animais ficarem queimados por conta do chão quente.

Então, nunca se esqueça, que um lugar bem arejado com água e sombra é a melhor opção para nossos amigos peludos!!!!

por Thiago Sanchez

Tags: , , ,
G.Plus Facebook

• Faça um Comentario no Facebook deste assunto •

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

• Assuntos Relacionados •