A neoplasia acontece quando uma célula apresenta uma mutação e começa a se multiplicar de forma desordenada. O câncer é um tipo de neoplasia maligna. Uma das principais características de uma neoplasia maligna é que ela pode fazer metátese, ou seja, se destaca do local original e se infiltra em outros pontos, outros órgãos. Um exemplo bastante comum é de uma neoplasia maligna de mama em uma cadela, que faz metástase no pulmão.

As neoplasias são vistas mais em animais idosos e da mesma forma que no humano, hoje em dia, cães e gatos estão vivendo muito mais, por isso, o câncer é uma doença tão comum.

Um grande problema é que o câncer pode evoluir de forma silenciosa. Muitos animais não apresentam nenhum sintoma. Precisamos ficar atentos a nódulos de pele, feridas que não cicatrizam, emagrecimento, perda de apetite, cansaço fácil e dificuldade respiratória.

O tratamento varia com o tipo de câncer, o local onde ele está e o estado do animal. A cirurgia e a quimioterapia são feitas com bastante freqüência e, diferente dos humanos, os animais não chegam a ficar “carecas” com o tratamento. Pode ocorrer um pouco de queda de pêlos, mas os efeitos colaterais mais comuns são vômito e diarréia, além da diminuição da imunidade.

A radioterapia é uma opção nova para tratamento de alguns tipos de câncer, mas ainda não existem muitos locais que trabalham com esta técnica no Brasil.

Infelizmente, em muitos casos, apesar de conseguirmos prolongar a vida do animal com qualidade, chega uma hora que não temos mais armas para lutar contra o câncer. Algumas pessoas são totalmente contra sacrificar um animal, mas uma opção é deixá-los descansar sem sofrimento.

E quando é a hora certa? Eu acredito que seja quando o animal não tem mais qualidade de vida e o proprietário está certo do que está fazendo. É uma decisão difícil, devemos respeitar a opinião e princípios de cada um.

por Dr. Laurence Von Galen

quimioterapia-em-animais

Tags: , ,
G.Plus Facebook

• Faça um Comentario no Facebook deste assunto •

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

15 Comentário:O que fazer quando meu animal tem câncer?

  1. Fe

    Isso aconteceu com a minha tia e ela sacrificou a cadela
    dela mais ela sofreu muito pois a cachorra tinha 18 anos. Beijos
    Fe. Para dicas e novidades: http://www.fesparkle.blogspot.com

  2. Cat

    Eu tenho minha pequenina aqui e nem me passa pela cabeça de
    ela nos deixar um dia – é muito amor e anos juntas. Uma amiga
    perdeu a cachorrinha dela de câncer e só posso dizer que é uma
    doença terrível. bjs

  3. aline

    Eu tive que sacrificar o meu gatinho…tinha leucemia..tentei de tudo mas infelizmente ele ja nao andava e ficou cego.. muito triste ver o sofrimento dele.. ate hoje sinto saudades do meu frajola!!

  4. ERIKA

    Tenho uma cachorrinha que fará 14 anos em maio. Ela já
    operou 2 vezes para retirar câncer de mama. Tirou a cadeia mamária
    totalmente há 5 anos e vive normalmente. É absolutamente saudável e
    eu só faço uma revisão com exames de 6 em 6 meses. Além disso, só
    muito amor e carinho (de ambas as partes). Câncer não é uma
    sentença de morte. Minha pequena Mabel que o diga.

  5. Rafaella Silveira

    É tão difícil ter que encarar essa realidade. ;/

    Beijos,
    http://garotazelosa.blogspot.com.br/

  6. Luciana

    Minha companheira apresentou um nódulo na mama e não sei o que vamos fazer…
    Não consigo imaginar.

  7. Luciana

    Ela já está com uns 12 / 13 anos, não sei ao certo pq a encontramos na rua, ainda filhote. A maior dificuldade é que tratamento veterinário ainda é muito caro. A amamos e a consideramos como filha e sofremos por não poder dar a ela toda a assistência que ela merece.

  8. Fernanda

    Adorei Bru bjos

  9. Dilma

    Eu estou com uma cachorra que nos acompanhou 13 anos e hj vendo a sofrer por causa de uma metástase de câncer, ela retirou um mama e foi feito biopsia em um caroço que ela estava, até então deu benigno, e não foi aconselhado a retirada por causa de sua idade, só que ela começou a emagrecer, fiz exames e hj ela esta lá sem poder se levantar, sem beber água e sem comer, a coisa mais dolorida é que ela era uma cachorra raçuda não temia nada e assim perder por causa de um maldito câncer não tenho mais como chorar e pedir a Deus e São Francisco que a levem, pois sofre ela e nós sem poder fazer nada e vendo a definhar aos poucos, ela tinha 30 Quilos e hj se ela tiver com 5 é muito, ela precisa que a gente a alimente, mais não é o suficiente, ela já esta com olhar parado sem vida, gente dói muitooooooo

  10. martha icart

    no es uma resposta, es uma pregunta, tengo uma cadela, 14 anos, fuerte , y agora esta con toda la cadena mamaria comprometida, eu gostaria de saber, si teim beneficios façer,operaçoes, sufrir, etc. y sino façer, como va a ser los días de cindy. me respondan, por favor

  11. eliana

    quero saber se fazer operação do câncer de mama tem cura minha cadela ta com um caroço na mama esta muito vermehlo pontudo ela tem oito anos nunca deu cria o que fazer me ajude sera que operar ela vai viver mais ou não adianta isto causa dores me respo.obrigada

    • janaina Rodrigues

      Minha cachorra tem 11 anos , está com um caroço bem grande na mama!!
      Fiz biópsia, não deu câncer.
      Vou operar ela, vou tentar. ….
      Se acontecer algo eu não tenho coragem de sacrificar minha filha!!!
      Não possooo!!!!

  12. SELMA

    Boa noite!
    Tenho um cachorro da raça dog alemão, sendo diagnosticado com cancer na perna.
    Realizou 2 cirurgias sendo que não cicatrizou…então o diagnóstico. Tem 7 anos. E agora o que posso fazer para judá-lo?

  13. Sandra de Cássia Rodrigues Rodrigues

    Boa noite, gostaria de tirar uma dúvida, meu gato é castrado, tem 8 anos e apresentou um linfoma intestinal(duodeno), no primeiro usg o linfoma era pequeno e quando ele foi para cirurgia 10 dias depois, a veterinaria não pode retirar pois o delgado estava todo comprometido, ele ficou muito mal depois que comecei a manusea-lo com tantos remédios, a indicação foi a quimio mas neste estágio tão avançado vale a pena? a doença voltará? Só prolongarei a vida dele? Se retirar o intestino delgado todo como será o dia a dia dele? a riscos de ter metástase?

  14. Fernanda

    Tenho um Golden de 7 anos e descobrimos a metástase infelizmente uma doença muuuito silenciosa, ja atingiu o pulmão e a coluna. uma dor em saber dessa noticia, infelizmente isso pega ate em nossos bichinhos tão inocentes …

• Assuntos Relacionados •